Numa metrópole como São Paulo, num momento histórico onde há tantas desigualdades sociais, as pessoas "de bem" sentem-se incomodadas com a situação. Difícil buscar opções de ações nas quais se possa confiar. É tanta corrupção que duvidamos das "boas intenções". Talvez por isso os voluntários que se dispuseram a organizar a FESCAR 2005 foram bem acolhidos pelos comerciantes da região.

      "Estou no meio de vós como aquele que serve (Lc 22,27)". O trabalho voluntário dentro de uma comunidade cristã não busca colaboração e doação de outros em nome próprio, mas pela causa do Evangelho. Quem se envolve no serviço é porque encontrou uma motivação que vem da ação do Espírito Santo de Deus. Provavelmente é essa motivação que também contagia quem é solicitado a contribuir.

       A Festa da Caridade foi um sonho ambicioso que parece estar sendo construído como realidade a cada ano. O importante é o envolvimento de cada um, não se mede o que é oferecido, pois cada um dá conforme e seu coração e muitos depositam tudo o que tem (cf Mc12, 41-44). Este é o sonho: que todos que se envolvam no exercício da caridade, do amor, sejam também beneficiados, abram seus corações e suas vidas ao Espírito de Deus.

      Um observador mais atento pôde presenciar muitos momentos, durante a FESCAR, onde o público testemunhou o espírito de serviço e caridade. Alguns exemplos: o envolvimento das escolas que trouxeram jovens dispostos a trabalhar "sem nada em troca"; o deslumbramento de muitos com o tamanho da Festa e com o grande número de pessoas que estavam trabalhando, oferecendo seu trabalho como doação; a manhã da doação de sangue onde 90 voluntários, num dia útil da semana, dispõem de seu tempo e de seu corpo para oferecer-se ao outro; os artistas que vieram contribuir para abrilhantar nosso evento e se encantaram, novamente, com o número grande de voluntários, com a organização e com o clima de tranqüilidade e amizade que envolvia a Festa; a polícia militar, que inúmeras vezes elogiou a iniciativa e contribuiu prontamente auxiliando a organização e a segurança nos dias da Festa, dentro das limitações de contingente e das obrigações de sua rotina.

      Quando a Festa terminou o cansaço era muito grande. Cada um sentia na proporção que seu corpo tinha suportado ser doado e oferecido. Mas a satisfação era a mesma, todos saíram gratificados pelos frutos colhidos. Não importa o quanto cada um ofereceu porque seu oferecimento foi fundamental para que o todo tivesse se realizado. E o todo realizou-se com sucesso e foi sendo construído pelas pequenas ações porque "Existem dons diferentes, mas o Espírito é o mesmo; diferentes serviços, mas o Senhor é o mesmo; diferentes modos de agir, mas é o mesmo Deus que realiza tudo em todos" (1Cor12, 4-6). E, desta maneira, esta Comunidade Viva da Paróquia Nossa Senhora da Assunção em comunhão com a Comunidade Nossa Senhora Aparecida e com todas as pessoas que possam e queiram juntar-se a nós vai buscando a cada dia ser testemunho e sinal da presença de Deus no mundo "Se vocês tiverem amor uns para com os outros, todos reconhecerão que vocês são meus discípulos" (Jo 13,35).
Junte-se a nós porque o momento é agora, pois já estamos planejando a FESCAR 2006.

Abrace este Sonho de Caridade conosco!
COORDENAÇÃO - FESCAR
Clique e veja fotos da FESCAR 2005
PARÓQUIA NOSSA SENHORA DA ASSUNÇÃO
Rua Dr. Argemiro Couto de Barros, 268
Tel.: 11 3832-7284
Copyright© 2005 - Paróquia Nossa Senhora da Assunção